Seguidores

segunda-feira, 28 de fevereiro de 2011

NÃO SE SOBRECARREGUE COM LEMBRANÇAS


Não se sobrecarregues com lembranças dolorosas do ontem,
nem com temores covardes do amanhã.
Vive-o com entusiasmo e intensidade. Construa você mesmo sua vida.
Não permita que opiniões e erros alheios te conduzam ao fracasso.
Irradie amor, cordialidade e simpatia. Não guarde seus
tesouros espirituais, pois quanto mais deres, mais enriquecerás.
Nada espere receber dos outros. Sua grande fonte de energia
está em você mesmo! Utilize-a sem moderação e logo perceberá
o quanto já é rico e forte. Seja pontual, honesto
e exigente contigo mesmo. Quem não se disciplina,
desperdiça tesouros de energia física e mental
e acaba por destruir-se. Cuide de seu corpo e de sua mente,
conservando ambos sadios. Como os males de um se refletirão
infalivelmente no outro, os dois merecem, por igual, seu cuidado.
Tenha paciência. Jamais duvide que a vitória pertence aos
que sabem esperar o momento certo de agir.
Jamais duvide da continuidade da vida! Fuja da extravagância
e do desperdício. Os dois são próprios dos desequilibrados
e o equilíbrio na vida é um bem estimável.
Faça diariamente uma avaliação de sua vida.
Vê o que realmente importa e quais fardos inúteis te pesam!
Livra-te deles para que não embaracem tua caminhada para um
futuro pleno de realizações. Tome uma decisão consciente,
livre e jamais se afaste dela. Saber querer é a base para vencer.

fonte.gotas de paz.com .br

google

domingo, 27 de fevereiro de 2011

ALMAS PERFUMADAS



São tantas as pessoas importantes em nossa vida...
Por vezes nos falta tempo ou oportunidade para lembrá-las disso.
Como a oportunidade somos nós que fazemos, e tempo é questão de prioridade, quem sabe seja este o momento de lembrar de alguém que amamos.
Eis belo poema de Ana Jácomo para sua avó Edith:
Tem gente que tem cheiro de passarinho quando canta. De sol quando acorda. De flor quando ri.
Ao lado delas, a gente se sente no balanço de uma rede que dança gostoso numa tarde grande, sem relógio e sem agenda.
Ao lado delas, a gente se sente comendo pipoca na praça. Lambuzando o queixo de sorvete. Melando os dedos com algodão doce da cor mais doce que tem pra escolher.
O tempo é outro. E a vida fica com a cara que ela tem de verdade, mas que a gente desaprende de ver.
Tem gente que tem cheiro de colo de Deus. De banho de mar quando a água é quente e o céu é azul.
Ao lado delas, a gente sabe que os anjos existem e que alguns são invisíveis.
Ao lado delas, a gente se sente chegando em casa e trocando o salto pelo chinelo. Sonhando a maior tolice do mundo com o gozo de quem não liga pra isso.
Ao lado delas, pode ser abril, mas parece manhã de Natal do tempo em que a gente acordava e encontrava o presente do Papai Noel.
Tem gente que tem cheiro das estrelas que Deus acendeu no céu e daquelas que conseguimos acender na Terra.
Ao lado delas, a gente não acha que o amor é possível, a gente tem certeza.
Ao lado delas, a gente se sente visitando um lugar feito de alegria. Recebendo um buquê de carinhos. Abraçando um filhote de urso panda. Tocando com os olhos os olhos da paz.
Ao lado delas, saboreamos a delícia do toque suave que sua presença sopra no nosso coração.
Tem gente que tem cheiro de cafuné sem pressa. Do brinquedo que a gente não largava. Do acalanto que o silêncio canta. De passeio no jardim.
Ao lado delas, a gente percebe que a sensualidade é um perfume que vem de dentro e que a atração que realmente nos move não passa só pelo corpo. Corre em outras veias. Pulsa em outro lugar.
Ao lado delas, a gente lembra que no instante em que rimos Deus está dançando conosco de rostinho colado. E a gente ri grande que nem menino arteiro.
Costumo dizer que algumas almas são perfumadas, porque acredito que os sentimentos também têm cheiro e tocam todas as coisas com os seus dedos de energia.
Minha avó era alguém assim. Ela perfumou muitas vidas com sua luz e suas cores. A minha, foi uma delas. E o perfume era tão gostoso, tão branco, tão delicado, que ela mudou de frasco, mas ele continua vivo no coração de tudo o que ela amou.
E tudo o que eu amar vai encontrar, de alguma forma, os vestígios desse perfume de Deus, que, numa temporada, se vestiu de Edith, para me falar de amor.

Redação do Momento Espírita com base no texto Almas perfumadas, de Ana Jácomo, constante em seu blog: anajacomo.blogspot.com

fonte google

sábado, 26 de fevereiro de 2011

TERAPIA DA ORAÇÃO



Recurso valioso para todo momento ou necessidade, a oração encontra-se ao alcance de quem deseja paz e realização, alterando para melhor os fatores que fomentam a vida e facultam o seu desenvolvimento.
A oração é o instrumento pelo qual a criatura fala a Deus, e a inspiração lhe chega na condição de divina resposta.
Quando alguém ora, luariza a paisagem mental e inunda-se de paz, revitalizando os fulcros da energia mantenedora da vida.
A oração sincera, feita de entrega íntima a Deus, desenvolve a percepção de realidades normalmente não detectadas, que fazem parte do mundo extrafísico.
O ser material é condensação do energético, real, transitoriamente organizado em complexos celulares para o objetivo essencial da evolução. Desarticulando-se, ou sofrendo influências degenerativas, necessita de reparos nos intrincados mecanismos vibratórios, de modo a recompor-se, reequilibrar-se e manter a harmonia indispensável, para alcançar a finalidade a que se destina.

O psiquismo que ora, consegue resistências no campo de energia, que converte em forças de manutenção dos equipamentos nervosos funcionais da mente e do corpo.
A oração induz à paz e produz estabilidade emocional, geradora de saúde integral.
A mente que ora, sintoniza com as Fontes da Vida, enriquecendo-se de forças espirituais e lucidez.
Terapia valiosa, a oração atrai as energias refazentes que reajustam moléculas orgânicas no mapa do equilíbrio físico, ao tempo que dinamiza as potencialidades psíquicas e emocionais, revigorando o indivíduo.
Quando um enfermo ora, recebe valiosa transfusão de forças, que vitalizam os leucócitos para a batalha da saúde e sustentação dos campos imunológicos, restaurando-lhes as defesas.

O indivíduo é sempre o resultado dos pensamentos que elabora, que acolhe e que emite.
O pessimista autodestrói-se, enquanto o otimista auto-sustenta-se.
Aquele que crê nas próprias possibilidades desenvolve-as, aprimora-as e maneja-as com segurança.
Aqueloutro que duvida de si mesmo e dos próprios recursos, envolvendo-se em psicosfera perturbadora, desarranja os centros de força e exaure-se, especialmente quando enfermo. Assemelha-se a uma vela acesa nas duas extremidades, que consome duplamente o combustível que sustenta a luz, até sua extinção.

A mente que se vincula à oração ilumina-se sem desprender vitalidade, antes haurindo-a, e mais expandindo a claridade que possui.
Envolvendo-se nas irradiações da oração a que se entregue, logrará o ser enriquecer-se de saúde, de alegria e paz, porquanto a oração é o interfone poderoso pelo qual ele fala a Deus, e por cujo meio, inspirado e pacificado, recebe a resposta do Pai.
Ao lado, portanto, de qualquer terapia prescrita, seja a oração a de maior significado e a mais simples de ser utilizada.



Autor: Joanna de Ângelis
Psicografia de Divaldo Franco. Livro Momentos Enriquecedores



fonte google

sexta-feira, 25 de fevereiro de 2011

SE EU MORRER PRIMEIRO QUE VOCE


Se eu morrer antes de você, faça-me um favor:
Chore o quanto quiser, mas não brigue comigo.
Se não quiser chorar, não chore;
Se não conseguir chorar, não se preocupe;
Se tiver vontade de rir, ria;
Se alguns amigos contarem algum fato a meu respeito, ouça e acrescente sua versão;
Se me elogiarem demais, corrija o exagero.
Se me criticarem demais, defenda-me;
Se me quiserem fazer um santo, só porque morri, mostre que eu tinha um pouco de santo, mas estava longe de ser o santo que me pintam;
Se me quiserem fazer um demônio, mostre que eu talvez tivesse um pouco de demônio, mas que a vida inteira eu tentei ser bom e amigo...
E se tiver vontade de escrever alguma coisa sobre mim, diga apenas uma frase:
-"Foi meu amigo, acreditou em mim e sempre me quis por perto!"
Aí, então derrame uma lágrima.
Eu não estarei presente para enxugá-la, mas não faz mal.
Outros amigos farão isso no meu lugar.
Gostaria de dizer para você que viva como quem sabe que vai morrer um dia, e que morra como quem soube viver direito.
Amizade só faz sentido se traz o céu para mais perto da gente, e se inaugura aqui mesmo o seu começo.
Mas, se eu morrer antes de você, acho que não vou estranhar o céu.
"Ser seu amigo, já é um pedaço dele..."
Chico Xavie
SITE-O pensador uol.com.br

quinta-feira, 24 de fevereiro de 2011

JA PARASTE PARA PENSAR?

De que será feito teu dia de hoje,de trabalho de novas experiencias,de dever cumprido.
Ou de um passeio as lojas ao shopping,para ver vitrines talvez c omprar muitas coisas que vais
guardar em um canto do guarda roupa,e nem mesmo vais usar,?...
ou de conversas jogadas fora,na esquina ou no portão dos vizinhos...Dirás hoje não tenho oque fazer
o dia esta feio vai chover ,Então eu te convido a olhar para o teu ,eu interior,,
E rever a tua vida o que tem sido feito com o presente que Deus te oferece diariamente
Acordar poder ver a luz do dia,respirar poder sentir o ar encher os teus pulmões de ar,
ouvir o cantar dos passaros,poder andar sair para o trabalho,são coisas que sóm mse da o devido valor quando não se tem,poder falar...mas falar o que?...ja pensaste sobre isto///
Em quantas coisas existem para serem faladas,para ser escrita para ser repassada a alguem,
Que la longe ou aqui bem perto,precisa de uma palavra de esperança para vencer um problema de doença
um problema familiar,uma falta de interesse pela vida,pensa que um palito de fosforos aceso em meio a escuridão,pode trazer luz,aos olhos de alguem que até então não conseguia ver nada.
E que uma palavra bem colocada,na hora exata poderá ser esta fagulha de luz que estava faltando
Não menospreze o tempo,não desperdice a pequena luz que Deus colocou em tuas mãos
Faz bom uso das palavras do evangelho.

  Emanuel

24-2-2011       

quarta-feira, 23 de fevereiro de 2011

SIMPLES HOMENAGEM ,A QUERIDA AMIGA SONIA SILVINO


Mesmo que se passem muitos anos,sempre guardarei sua amizade
Eu jamais me esquecerei deste carinho e despreendimento,do seu gesto,sei que teus propositos são verdade.

Não lembro de ter ficado tão feliz ao ser lembrado,por alguem com espontaniedade


Tenho imenso prazer em perceber oque hoje me traz felicidade

Outros tempos ja me senti tão só,hoje nem lembro,extresse melancolia na verdade

Relembro só os bons momentos e os trago guardando-os na saudade

Enesplicavel sensação de conhecer-te,ja de longa data,conheço seu rosto

Sereno meigo,é asim que te ve mue coração

Descrevendo a pessoa que tu és,cheia de carinho por teus amigos teus irmãos.

E sta é uma pequena homenagem,que faço a voce de coração muito humilde,

Longe de demonstrar toda a minha gratidão,por teres em mim hoje uma amiga

Unindo pessoas que jamais se encomtraram pessoalmente com um vinculo de irmãos

Zelo com carinho por este afeto,e te elevo a Deus em minhas orações.

                  Te digo obrigada,aceite minhas palavras,de coração
      
                   atenciosamente,,Marlene de Goes

terça-feira, 22 de fevereiro de 2011

PORQUE TE ENCONTRAS NO LUGAR EN QUE ESTAS

Nasceste no lar de que precisavas.
Vestiste o corpo físico que merecias.
Moras no melhor lugar que Deus poderia te proporcionar, de
acordo com teu adiantamento.
Possuis os recursos financeiros coerentes com as tuas necessidades; nem mais nem menos, mas o justo para as tuas lutas terrenas.
Teu ambiente de trabalho é o que elegeste espontaneamente para a tua realização.
Teus parentes e amigos são as almas que atraíste com tuas próprias afinidades.
Portanto, teu destino está constantemente sob teu controle.
Tu escolhes, recolhes, eleges, atrais, buscas, expulsas, modificas tudo aquilo que te rodeia a existência.
Teus pensamentos e vontades são a chave de teus atos e atitudes, são as fontes de atração e de repulsão na tua jornada vivencial.
Não reclames nem te faças de vítima. Antes de tudo, analisa e observa. A mudança está em tuas mãos.
Reprograma tua meta. Busca o bem e viverás melhor.
MENSAGEM =Francisco Candido Xavier


fonte=www.mensagemespirita.com.br

segunda-feira, 21 de fevereiro de 2011

A ARVORE DOS AMIGOS


Existem pessoas em nossas vidas que nos deixam felizes,
pelo simples fato de terem cruzados nosso caminho.
Algumas percorrem ao nosso lado, vendo muitas luas se passarem,
mas outras vemos apenas entre um passo e outro.
A todos elas entretanto chamamos de amigo.
Existe muitos tipos de amigos, e talvez cada folha
de uma árvore caracterize um deles.
O primeiro que nasce do broto, é o amigo pai e o amigo mãe ,
e mostram o que é ter vida.
Depois vem o amigo que ele floresce como nós.
Passamos a conhecer toda a familia de folhas,
a qual respeitamos e desejamos o bem.
Mas o destino nos apresenta outros amigos, os quais não 
sabíamos que ia cruzar os nossos caminhos.
Muitos desses, denominamos amigos do peito, de coração.
São sinceros, verdadeiros e sabem quando não estamos bem,
como também sabem nos fazer feliz.
Não podemos nos esquecer dos amigos distantes,
que são aqueles que ficam nas pontas dos galhos,
quando as folhas caem e outras nascem , são os amigos que vai e vem.
Cada pessoa que passa em nossa vida é única,
sempre deixa um pouco e leva um pouco de nós.
Compartilhe esta Mensagem em suas Redes Sociais:

site -mensagens de paz,
fonte=google

domingo, 20 de fevereiro de 2011

O PREÇO DA LUZ


         Agradeço as preçes que me deste, sem que eu soubesse compreendê-las.
         Roguei-te a paz e me enviaste as tribulações que me tulmutuaram o recanto da ação, compelindo-me a lutar, por dentro de mim, para asserenar aqueles que me cercam e somente após reconhecê-los tranquilos é que reconheci a paz de todos eles, habitando-me no coração.
         Supliquei-te defesa e determinaste que forças contrárias ao meu reconforto me atingissm o espírito e o ambiente em que me encontro, obrigando-me a grande esforço para criar refúgio e apoio para quantos me confiaste ao amor e, apenas depois de observá-los felizes é que reconheci comigo a alegria de todos eles em forma de segurança.
         Obrigado, Senhor, porque não me doaste aquilo de que eu precisava, segundo as minhas requisições e sim de acordo com as minhas necessidades .
         E agradeço, ainda, porque me mostraste, sem palavras, a significação do ensino que transmitiste ao teu apóstolo da humildade:
         - "É dando que se recebe."
Meimei
Extraído do livro "Deus Aguarda" - Francisco C. Xavier - ed. GEM
fonte google=

sábado, 19 de fevereiro de 2011

ORAÇÃO DA MIGALHA


 
Senhor!
Quando alguém estiver em oração, referindo-se à caridade, faze que este alguém me recorde, para que eu consiga igualmente ajudar em teu nome.
Quantas criaturas me fitam, indiferentes, e quantas me abandonam por lixo imprestável!...
Dizem que sou moeda insignificante, sem utilidade para ninguém; contudo, desejo transformar-me na gota de remédio para a criança doente. Atiram-me à distância, quando surjo na forma do pedaço de pão que sobra à mesa; no entanto, aspiro a fazer, ainda, a alegria dos que choram de fome. Muita gente considera que sou trapo velho para o esfregão, mas anseio agasalhar os que atravessam a noite, de pele ao vento... Outros alegam que sou resto de prato para a calha do esgoto, mas, encontrando mão fraternas que me auxiliem, posso converter-me na sopa generosa, para alimento e consolo dos que jazem sozinhos, no catre do infortúnio, refletindo na morte.
Afirmam que sou apenas migalha e, por isso, me desprezam... Talvez não saibam que, certa vez, quando quiseste falar em amor, narraste a história de uma dracma perdida e, reportando-te ao reino de Deus, tomaste uma semente de mostarda por base de teus ensinos.
Faze, Senhor, que os homens me aproveitem nas obras do bem eterno!... E, para que me compreendam a capacidade de trabalhar, dize-lhes que, um dia, estivemos juntos, em Jerusalém, no Templo de Salomão, entre a riqueza dos poderosos e as jóias faiscantes do santuário, e conta-lhes que me viste e me abençoaste, nos dedos mirrados de pobre viúva, na feição de um vintém.

Pelo Espírito: Meimei
Do livro: Diálogo com Deus - Preces de Meimei
Autor: Adésio  Alves Machado


sexta-feira, 18 de fevereiro de 2011

Ganhei este selinho da amiga Denise


Obrigada amiga Denise do blog Conheça o Espiritismo ,por este lindo selo

Dedico este selinho a todos os meus amigos do blog

Uma frase de uma musica alegre

 (viver é não  ter a vergonha de ser feliz,
cantar e cantar,a beleza de ser um eterno aprendiz)


Ganhei este selo da Vivian,do Blog, Flores e livros
Ofereço a todos os amigos do blog

OLHE PARA DEUS




Olhe...

Olhe para trás!
Veja os obstáculos que você já superou.
Veja quanto você já aprendeu
nesta vida e quanto já cresceu.

Olhe para frente!
Não fique parado, levante-se quando tropeçar e cair.
Estabeleça metas, tenha planos e prossiga com firmeza.

Olhe para dentro!
Conheça seu coração e analise seus projetos;
mantenha puros seus sentimentos.
Não deixe que o orgulho, a vaidade e a inveja
dominem seus pensamentos e seu coração.

Olhe para o lado!
Socorra quem precisa de você.
Ame o próximo e seja sensível para perceber
as necessidades daqueles que o cercam.

Olhe para baixo!
Não pise em ninguém...
Perceba as pequenas coisas e aprenda a valorizá-las.

Olhe para cima!
Há um Deus maior do que você,
que te ama muito e tem 
todas as coisas sob seu controle.

Olhe para Deus!
Perceba a profundidade, a riqueza
e o poder da bondade divina.
Sinta esse Deus que olha por você
em todos os dias da sua vida!



quinta-feira, 17 de fevereiro de 2011

O ALIMENTO ESPIRITUAL

 professor lutava na escola com um grande problema.Os alunos começaram a ler muitas histórias de homens maus, de roubos e de crimes e passaram a viver em plena insubordinação.
Queriam imitar aventureiros e malfeitores e, em razão disso, na escola e em casa apresentavam péssimo comportamento.
Alguns pronunciavam palavrões, julgando-se bem-educados, e outros se entregavam a brinquedos de mau gosto, acreditando que assim mostravam superioridade e inteligência.
Esqueciam-se dos bons livros.
Zombavam dos bons conselhos.
O professor, em vista disso, certo dia reuniu todas as classes para a merenda costumeira, apresentando-se uma surpresa esquisita.
Os pratos estavam cheios de coisas impróprias, tais como pães envolvidos em lama, doces com batatas podres, pedaços de maçãs com tomates deteriorados e geléias misturadas com fel e pimenta.
Os meninos revoltados gritavam contra o que viam, mas o velho educador pediu silêncio e, tomando a palavra, disse-lhes:
- Meus filhos, se não podemos dispensar o alimento puro a benefício do corpo, precisamos também de alimento sadio para a nossa alma. O pão garante a nossa energia física, mas a leitura é a fonte de nossa vida espiritual. Os maus livros, as reportagens infelizes, as difamações e as aventuras criminosas representam substâncias apodrecidas que nós absorvemos, envenenando a vida mental e prejudicando-nos a conduta. Se gostamos das refeições saborosas que auxiliam a conservação de nossa saúde, procuremos também as páginas que cooperam na defesa de nossa harmonia interior, a fim de nunca fugirmos ao correto procedimento.
Com essa preleção, a hora da merenda foi encerrada.
Os alunos retiraram-se cabisbaixos.
E, pouco a pouco, a vida dos meninos foi sendo retificada, modificando-se para melhor.
* * *
Xavier, Francisco Cândido. Da obra: Pai Nosso.
Ditado pelo Espírito Meimei.
19a edição. Rio de Janeiro, RJ: FEB, 1999.

FONTE=google

quarta-feira, 16 de fevereiro de 2011

COM ARROGANCIA NÃO CAMINHAREMOS



As transformações de sentimentos que não nos fazem bem,
cabe a nós mesmos transforma-los,
através de nossa vigilância constante,
do que estamos pensando ou sentindo.
Temos vários sentimentos que não nos levam,
a nenhum crescimento e um deles é a arrogância,
pois esse sentimento transforma tudo a nossa volta,
e aos poucos vamos perdendo nosso próprio discernimento
a respeito de nós e do que fazemos...
Porque achamos que tudo está certo a nossa volta,
desde que seja como queremos...
Infeliz pensarmos desta forma...
Pensando assim damos margem ao crescimento da arrogância
cada vez mais tomando conta de nossa vida
e não damos passagem para o aprendizado da vida...
Ficaremos estáticos diante de nossa caminhada,
e não teremos como seguir adiante...
Não caminharemos em busca da nossa melhora moral...
Transforme em você este sentimento...
Não queira ser o maior de todos, melhor que todos...
Seja apenas você, não há necessidade de grandes
conquistas para sermos vitoriosos...
 SITE=GOTAS DE PAZ
FONTE=GOOGLE

terça-feira, 15 de fevereiro de 2011

SEM CARIDADE


Sem a caridade do trabalho para as suas mãos, o seu descanso pode transformar-se em preguiça.
*
Sem a caridade da tolerância, o seu trabalho seguirá repleto de entraves.
*
Sem a caridade da simpatia para com os necessitados de qualquer procedência, as suas palavras de corrigenda serão nulas.
*
Sem a caridade da gentileza, a sua vida social e doméstica será sempre um purgatório de incompreensões.
*
Sem a caridade da desculpa fraterna, seus problemas seguirão aumentados.
*
Sem a caridade da lição repetida, o seu esforço não auxiliará a ninguém.
*
Sem a caridade da cooperação, a sua tarefa poderá descer ao isolamento enfermiço.
*
Sem a caridade do estímulo ao companheiro que luta, sofre e chora, no trato com as próprias imperfeições, o orgulho se lhe fará petrificado na própria alma.
*
Sem a caridade do auxílio incessante aos pequeninos, a vaidade viverá fortalecida em nosso espírito invigilante.
*
Sem a caridade do entendimento amigo, a sua franqueza será crueldade.
*
Sem a caridade do concurso desinteressado e fraterno, as suas dificuldades crescerão indefinidamente.
*
Sem caridade em nosso caminho, tudo se converterá em inquietude, sombra e sofrimento. Por isso mesmo, adverte-nos o Evangelho - "fora da caridade ou fora do amor não existe realmente salvação".
* * *
Xavier, Francisco Cândido. Da obra: Caridade.
Ditado pelo Espírito André Luiz.
Araras, 

fonte=google

segunda-feira, 14 de fevereiro de 2011

LUZES DO ENTARDECER


Conserva contigo os companheiros idosos, com a alegria de quem recebeu da vida o honroso encargo de reter, junto do coração, as luzes remanescentes do próprio grupo familiar.

Reflete, naqueles que te preservaram a existência ainda frágil, nos panos do berço; nos que te equilibraram os passos primeiros; nos que te afagaram os sonhos da meninice e naqueles outros que te auxiliaram a pronunciar o nome de Deus.

Já que atravessaram o caminho de muitos janeiros, pensa no heroísmo silencioso com que te ensinam a valorizar os tesouros do tempo, nas dificuldades que terão vencido para serem quem são, no suor que lhes alterou as linhas da face e nas lágrimas que lhes alvejaram os cabelos...

E quando, porventura, te mostrem azedume ou desencanto, escuta-lhes a palavra com bondade e paciência...

Não estarão, decerto, a ferir-te e sim provavelmente algo murmurando contra dolorosas recordações de ofensas recebidas, que trancam no peito, a fim de não complicarem os dias dos seres que lhes são especialmente queridos!...

Ama e respeita os companheiros idosos! São eles as vigas que te escoram o teto da experiência e as bases de que hoje te levantas para seres quem és...

Auxilia-os, quanto puderes, porquanto é possível que, no dia da existência humana, venhas igualmente a conhecer o brilho e a sombra que assinalam, no mundo, a hora do entardecer.


Autor: Meimei
Psicografia de Chico Xavier


FONTE=GOOGLE

sábado, 12 de fevereiro de 2011

AFLIÇÃO VAZIA



Ante as dificuldades do cotidiano, exerçamos a paciência, não apenas em auxílio aos outros, mas igualmente a favor de nós mesmos.Desejamos referir-nos, sobretudo, ao sofrimento inútil da tensão mental que nos inclina à enfermidade e nos aniquila valiosas oportunidades de serviço.
No passado e no presente, instrutores do espírito e médicos do corpo combatem a ansiedade como sendo um dos piores corrosivos da alma. De nossa parte, é justo colaboremos com eles, a benefício próprio, imunizando-nos contra essa nuvem da imaginação que nos atormenta sem proveito, ameaçando-nos a organização emotiva.
Aceitemos a hora difícil com a paz do aluno honesto, que deu o melhor de si, no estudo da lição, de modo a comparecer diante da prova, evidenciando consciência tranqüila.
Se o nosso caminho tem as marcas do dever cumprido, a inquietação nos visita a casa íntima na condição do malfeitor decidido a subvertê-la ou dilapidá-la; e assim como é forçoso defender a atmosfera do lar contra a invasão de agentes destrutivos, é indispensável policiar o âmbito de nossos pensamentos, assegurando-lhes a serenidade necessária...
Tensão à face de possíveis acontecimentos lamentáveis é facilitar-lhes a eclosão, de vez que a idéia voltada para o mal é contribuição para que o mal aconteça; e tensão à frente de sucessos menos felizes é dificultar a ação regenerativa do bem, necessário ao reajuste das energias que desastres ou erros hajam desperdiçado.
Analisemos desapaixonadamente os prejuízos que as nossas preocupações injustificáveis causam aos outros e a nós mesmos, e evitemos semelhante desgaste empregando em trabalho nobilitante os minutos ou as horas que, muita vez, inadvertidamente, reservamos à aflição vazia.
Lembremo-nos de que as Leis Divinas, através dos processos de ação visível e invisível da natureza, a todos nos tratam em bases de equilíbrio, entregando-nos a elas, entre as necessidade do aperfeiçoamento e os desafios do progresso, com a lógica de quem sabe que tensão não substitui esforço construtivo, ante os problemas naturais do caminho. E façamos isso, não apenas por amor aos que nos cercam, mas também a fim de proteger-nos contra a hora da ansiedade que nasce e cresce de nossa invigilância para asfixiar-nos a alma ou arrasar-nos o tempo sem qualquer razão de ser.
* * *
Xavier, Francisco Cândido. Da obra: Encontro marcado.
Ditado pelo Espírito Emmanuel.

fonte=google

sexta-feira, 11 de fevereiro de 2011

DEUS VELARÁ POR TI



Ele Vela Por Ti

Confia sempre na ajuda divina. Quando te sentires sitiado, sem qualquer possibilidade de liberação, o socorro te chegará de Deus. Nunca duvides da paternidade celeste. Deus vela por ti, e te ajuda, nem sempre como queres, porém da melhor forma para a tua real felicidade. Às vezes, tens a impressão de que o auxílio superior não virá ou chegará tarde demais. Passado o momento grave, constatarás que o recebeste alguns minutos antes, caso tenhas perseverado à sua espera.
Franco, Divaldo Pereira. Da obra: Vida Feliz

PELO ESPIRITO=Joana de Angellis

quinta-feira, 10 de fevereiro de 2011

A CIENCIA DO AMOR


"A ciência incha, mas o
amor edifica."
Paulo. (1 CORINTIOS, 8:1.)
A ciência pode estar cheia de poder, mas só o amor beneficia. A ciência, em todas as épocas, conseguiu inúmeras expressões evolutivas. Vemo-la no mundo, exibindo realizações que pareciam quase inatingíveis. Máquinas enormes cruzam os ares e o fundo dos oceanos. A palavra é transmitida, sem fios, a longas distâncias. A imprensa difunde raciocínios mundiais. Mas, para essa mesma ciência pouco importa que o homem lhe use os frutos para o bem ou para o mal. Não compreende o desinteresse, nem as finalidades santas.
O amor, porém, aproxima-se de seus labores e retifica-os, conferindo-lhe a consciência do bem. Ensina que cada máquina deve servir como utilidade divina, no caminho dos homens para Deus, que somente se deveria transmitir a palavra edificante como dádiva do Altíssimo, que apenas seria justa a publicação dos raciocínios elevados para o esforço redentor das criaturas.
Se a ciência descobre explosivos, esclarece o amor quanto à utilização deles na abertura de estradas que liguem os povos; se a primeira confecciona um livro, ensina o segundo como gravar a verdade consoladora. A ciência pode concretizar muitas obras úteis, mas só o amor institui as obras mais altas. Não duvidamos de que a primeira, bem interpretada, possa dotar o homem de um coração corajoso; entretanto, somente o segundo pode dar um coração iluminado.
O mundo permanece em obscuridade e sofrimento, porque a ciência foi assalariada pelo ódio, que aniquila e perverte, e só alcançará o porto de segurança quando se render plenamente ao amor de Jesus-Cristo.
* * *
Xavier, Francisco Cândido. Da obra: Caminho, Verdade e Vida.
Ditado pelo Espírito Emmanuel.
16a edição. Lição 152. Rio de Janeiro, RJ: 

quarta-feira, 9 de fevereiro de 2011

ALMA FELIZ,MENSAGEM,DEDICADA A TODOS OS AMIGOS



Alma fraterna, escuta:
Se podes atender,
Mesmo imperfeitamente,
À tarefa que a vida te confia,
Rende graças a Deus!...

Se alguma alfinetada te aguilhoa,
Se alguma prova sobrevém,
Auxilia, perdoa
E prossegue no rumo
Que o caminho te aponte para o bem...
Lembra: quantos irmãos, ainda hoje,
Clamam desesperados,
Sob a luta sombria
Dos que se entregam à revolta,
Enceguecidos pela rebeldia!...

Quantos jazem no leito,
Situando na morte a última esperança...
Quantos caem, aos gritos do remorso,
Na delinqüência que os arrasa...

Quantos choram, em vão,
As horas que perderam!
Recorda tanta gente, 
Em pranto, junto a nós,
E nem pela fração de um só momento,
Não te queixes de mágua ou sofrimento...

Ergue-te de ti mesmo
E busquemos agir
Para estender o bem ao nosso alcance.

Se podes trabalhar
Não fales de amargor,
Desengano, tristeza ou cicatriz,
Porque, servindo aos outros por amor,
Já tens, por dom de Deus, o coração feliz
                                                                           MEIMEI



   MM
MENSAGEM,,,FONTE=GOOGLE

terça-feira, 8 de fevereiro de 2011

CAMINHO DA AUTO AUTOILUMINAÇÃO



O homem atinge um alto nível de evolução quando consegue unir o sentimento e o conhecimento, utilizando-os com sabedoria. Nesse estágio é-lhe mais fácil desenvolver a paranormalidade, realizando o autodescobrimento e canalizando as energias anímicas e mediúnicas para o serviço de consolidação do bem em si mesmo e na sociedade.
O seu amadurecimento psicológico permite-lhe compreender toda a magnitude das faculdades parapsíquicas, superando os impedimentos que habitualmente se lhe antepões à educação.
Desse modo, a mediunidade põe-no em contato com o mundo espiritual de onde procede a vida e para a qual retorna, quando cessado o seu ciclo material, ensejando-lhe penetrar realidades que se demoram ignoradas, incursionando com destreza além das vibrações densas do corpo carnal.
O exercício das faculdades mediúnicas, no entanto, se reveste de critérios e cuidados, que somente quando levados em conta propiciam os resultados pelos quais se anelam.
A mediunidade é inerente a todos os indivíduos em graus de diferente intensidade. Como as demais, é uma faculdade amoral, manifestando-se em bons e maus, nobres e delinqüentes, pobres e ricos.
Pode expressar-se com alta potencialidade de recursos em pessoas inescrupulosas, e quase passar despercebida em outras, portadoras de elevadas virtudes.
Surge em criaturas ignorantes, enquanto não é registrada nas dotadas de cultura. É patrimônio da vida para crescimento do ser no rumo da sua destinação espiritual. O uso que se lhe dê, responderá por acontecimentos correspondentes no futuro do seu possuidor.
Uma correta educação da mediunidade tem início no estudo das suas potencialidades: causas, aplicações e objetivos. Adquirida a consciência mediúnica, o exercício sistemático, sem pressa, contribui para o equilíbrio das suas manifestações.
Uma conduta saudável calcada nos princípios evangélicos atrai os Bons Espíritos, que passam a cooperar em favor do medianeiro e da tarefa que ele abraça, objetivando os melhores resultados possíveis do empreendimento.
O direcionamento das forças mediúnicas para fins elevados propicia qualificação superior, resultando em investimento de sabor eterno.
Se te sentes portador de mediunidade, encara-a com sincero equilíbrio e dispõe-te a aplicá-la bem.
O homem ditoso do futuro será um indivíduo PSI, um sensível e consciente instrumento dos Espíritos, ele próprio lúcido e responsável pelos acontecimentos da sua existência.
Desveste-te de quaisquer fantasias em torno dos fenômenos de que és objeto e encara-os com realismo, dispondo-te a sua plena utilização.
Amadurece reflexões em torno deles e resguarda-os das frivolidades, exibicionismos vãos, comercialização vil, recurso para a exaltação da personalidade ou das paixões inferiores.
Sê paciente com os resultados e perseverante nas realizações. Toda sementeira responde à medida que o tempo passa.
A educação da mediunidade requer tempo, experiência, ductibilidade do indivíduo, como sucede com as demais faculdades e tendências culturais, artísticas e mentais que exornam o homem.
Quem seja portador de cultura, de bondade e sinta a presença dos fenômenos paranormais, está a um passo da realização integral, a caminho próximo da auto-iluminação.

Divaldo Pereira Franco=ditado pelo espirito Joanna de Angelis
da obra momentos de iluminação

segunda-feira, 7 de fevereiro de 2011

PARA QUE POSSAS VENCER


Não deixe que a cegueira a raiva e a mesquinharia,te cubram os olhos te detendo o olhar na lama.
Que cobre os pés daquele que não visualiza,onde piza,mesmo que as tuas vistas escureçam como o breu
da noite,manten-te firme nos caminhos que escolheste,quando o sol ainda se fazia presente.
busca na,claridade do espirito,e na leveza do teu coração a direção certa para que teus pés,não sigam
o destino incerto,Aquele que dedica sua vida ao evangelho e a caridade,tem por compromisso e dever seguir na retidão,sem que seja preciso estar sendo cobrado de dia e de noite,pelos atos impensados e por hobras mal construidas por orações mal dirigidas,por pensamentos enganosos por gestos ou atitudes que posam macular a alvura das tuas vestes,concentre-te na luz para que as trevas não venham a  agradar teus olhos
e te sirva de abrigo,segue pois o teu caminho ,sem deichar que as estrelas que brilham na terra te tirem,
a alegria de olhar para o céu e te encantar com o firmamento,não permita que a iluzão te faça ver flores onde só existem espinhos,persevera no trabalho pelos que sofrem,pelos humildes pelos doentes,por os que precisam de amparo de entendimento,e de luz a clarear seus caminhos.

                            Emanuel,,,,,
                                   7-2-2011
  mensagem,psicografada,por Marlene de goes

domingo, 6 de fevereiro de 2011

A LUZ DO AMANHECER

Volta teus olhos para a luz de onde te vem o socorro,teu socorro vem de Deus o senhor,da criação
Manancial de amor de bondade e de perdão,alcansado com duras penas com o martirio de Jesus
Olha para o teu interior,e encontraras a pazum rio de aguas correntes que correm de encontro ao mar,
Por caminhos tão bonitos como nunca viste igual,é um poema de amor de verdade e de perdão
que brota como da terra no fundo do coração,espirito iluminado,por mentores que Jesus as vezes envia a terra,para te mostrar a luz,que ilumina o evangelho e purifica o espirito,e nos convida a mormurar uma prece como se fora um estribilho,das rimas de uma canção cantada para um filho.
Jesus senhor de bondade modelo de perfeição,que eu não me perca no caminho segura na minha mão,
dando-me entendimento sabedoria no estudo,porque aquele que não conhece a luz da verdade
não consegue dedicar-se a fazer a caridade,que eu possa sempre ser humilde como diz tua palavra,
que meu espirito possa ser livre,e minha aura se torne alva,glorificando teu nome na luz do amanhecer
onde um dia senhor minha alma sonha em viver,com meu mais puro amor,


                          Meimei  
                                6-2-2011
        psicografado por marlene de goes









sábado, 5 de fevereiro de 2011

O VAZIO EXISTENCIAL

Oque é o vazio existencial,na vida de um ser humano,ouvi,uma mensagem,a respeito do vacuo na vida
daquele,que não tem Deus no coração,e procura preencher este vazio,com o tabagismo exagerado,
as bebidas as drogas ,o sexo promiscuo sem regras e sem cuidados nescessarios,crimes horriveis que nimguem pode crer quetenha sido alguem que se diz humano os tenha cometido,tais desvairios,contra seus
semelhantes.Éo vazio na vida a falta de Deus no coração,a falta de humanidade,não tenha vergonha,de
dizer eu te amo,meu amigo,e sinta este amor em sua vida o carinho que sabe se doar compartilhar,
aquele respeito que deixa o orgulho e a soberba de lado,e encina a olhar aos outros como gostarias de ser
olhado,e admirado enche teu coração e teu espirito de paz,de luz de esperança ,para que poças viver distante das coisas que entristecem e desestimulam ,a caminhada terrena ,trabalha com alegria,com amor e humildade
e veras a luz de Deus resplandecer sobre tua vida,e teus projetos teus sonhos tuas esperanças,irão
brotar como flores a beira das aguas limpidas dos rios com o coração aberto te desejo
a graça de Deus hoje e sempre,em tua caminhada.
          um espirito de luz  psicografado por
                Marlene   5-2-2011







sexta-feira, 4 de fevereiro de 2011

O AMIGO INGRATO




Causa-te surpresa o fato de ser o teu acusador de agora, o amigo aturdido de ontem, que um dia pediu-te abrigo ao coração gentil e ora não te concede ensejo, sequer, para esclarecimentos.Despertas, espantado, ante a relação de impiedosas queixas que guardava de ti, ele que recebeu, dos teus lábios e da tua paciência, as excelentes lições de bondade e de sabedoria, com as quais cresceu emocional e culturalmente.
Percebes, acabrunhado, que as tuas palavras foram, pelo teu amigo, transformadas em relhos com os quais, neste momento, te rasga as carnes da alma, ele, que sempre se refugiou no teu conforto moral.
Reprocha-te a conduta, o companheiro que recebeste com carinho, sustentando-lhe a fragilidade e contornando as suas reações de temperamento agressivo.
Tornou-se, de um para outro momento, dono da verdade e chama-te mentiroso.
Ofereceste-lhe licor estimulante e recebes vinagre de volta.
Doaste-lhe coragem para a luta, e retribui-te com o desânimo para que fracasses.
Ele pretende as estrelas e empurra-te para o pântano.
Repleta-se de amor e descarrega bílis na tua memória, ameaçando-te sem palavras.
*
Não te desalentes!
O mundo é impermanente.
O afeto de hoje torna-se o adversário de amanhã.
As mãos que perfumas e beijas, serão, talvez, as que te esbofetearão, carregadas de urze.
*
Há mais crucificadores do que solidários na via de redenção.
Esquecem-se, os homens, do bem recebido, transformando-se em cobradores cruéis, sem possuírem qualquer crédito.
Talvez o teu amigo te inveje a paz, a irrestrita confiança em Deus, e, por isto, quer perturbar-te.
Persevera, tranqüilo!
Ele e isto, esta provação, passarão logo, menos o que és, o que faças.
Se erraste, e ele te azorraga, alegra-te, e resgata o teu equívoco.
Se estás inocente, credita-lhe as tuas dores atuais, que te aprimoram e te aproximam de Deus.
*
Não lhe guardes rancor.
Recorda que foi um amigo, quem traiu e acusou Jesus; outro amigo negou-O, três vezes consecutivas, e os demais amigos fugiram dEle.
Quase todos O abandonaram e O censuraram, tributando-Lhe a responsabilidade pelo medo e pelas dores que passaram a experimentar. Todavia, Ele não os censurou, não os abandonou e voltou a buscá-los, inspirá-los e conduzi-los de volta ao reino de Deus, por amá-los em demasia.
Assim, não te permitas afligir, nem perturbar pelas acusações do teu amigo, que está enfermo e não sabe, porque a ingratidão, a impiedade e a indiferença são psicopatologias muito graves no organismo social e humano da Terra dos nossos dias.
* * *
Franco, Divaldo Pereira. Da obra: Momentos de Felicidade.
Ditado pelo Espírito Joanna de Ângelis.
Salvador, BA: LEAL, 1990.


quinta-feira, 3 de fevereiro de 2011

PASSANDO PELA TERRA



Sempre útil não te esqueceres de que te encontras em estágio educativo na Terra.
Jornadeando nas trilhas da evolução, não é o tempo que passa por ti, mas, inversamente, és a criatura que passa pelo tempo.
Conserva a esperança em teus apetrechos de viagem.
Caminha trabalhando e fazendo o bem que puderes.
Aceita os companheiros do caminho, qual se mostram, sem exigir-lhes a perfeição da qual todos nos vemos ainda muito distantes.
Suporta as falhas do próximo com paciência, reconhecendo que nós, os espírito ainda vinculados
à Terra, não nos achamos isentos de imperfeições.
Levanta os caídos e ampara os que tropecem.
Não te lamentes.
Habitua-te a facear dificuldades e problemas, de ânimo firme, assimilando-lhes o ensino de que se façam portadores.
Não te detenhas no passado, embora o passado deva ser uma lição inesquecível no arquivo da experiência.
Desculpa, sem condições, quaisquer ofensas, sejam quais sejam, para que consigas avançar, estrada afora, livre do mal.
Auxilia aos outros, quanto estiver ao teu alcance, e repete semelhante benefício, tantas vezes quantas isso te for solicitado.
Não te sirvam de estorvo ao trabalho evolutivo
as calamidades e provas em que te vejas, já que te reconheces passando pela Terra,
a caminho da Vida Maior.
Louva, agradece, abençoa e serve sempre.
E não nos esqueçamos de que as nossas realizações constituem a nossa própria bagagem, onde estivermos, e nem olvidemos que das parcelas de tudo aquilo
que doamos ou fazemos na Terra, teremos a justa equação na Vida Espiritual.


Francisco Cândido Xavier

in Calma (Emmanuel)

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...